Ávaros


Nota: Se procura pelo povo que habita o Cáucaso, consulte Avares.

Os ávaros (também chamados de avares ou abares) ditos eurásios ou eurasiáticos, foram um povo nômade da Eurásia que migrou para a Europa Central e Oriental no século VI d.C. O domínio ávaro sobre a Planície Panônia (a região entre os Cárpatos, os Alpes Dináricos e os Bálcãs) persistiu até o início do século IX. Considerados um grupo túrquico proto-mongol, os ávaros habitavam originalmente a Ásia ocidental. Ao adentrarem a Europa no século VI receberam dinheiro do Imperador Justiniano para evitar o Império Bizantino, dirigindo-se portanto para o norte, para a Germânia.[1]

Encontrando forte resistência dos francos e considerando a geografia local imprópria para seu estilo de vida nômade, voltaram-se para a Planície Panônia, que era naquele momento objeto de disputa entre os lombardos e os gépidas, ambas tribos germânicas. Ao lado dos lombardos, destruíram os gépidas em 567 e fundaram o Grão-Canato Avar na área do Danúbio. Por volta de 568, forçaram os lombardos a deixar a região e os empurraram para a Itália setentrional. Após diversas guerras contra os bizantinos, em 626, aliados aos persas, sitiaram Constantinopla mas não lograram tomá-la.

No período entre 630 e 635, participaram do estado dos onogures (Onogúria ou Antiga Grande Bulgária) juntamente com os protobúlgaros, formando um poderoso canato que se estendia da Panônia até a Ucrânia. Com o fim da aliança protobúlgaro-ávara, o Estado ávaro continuou a existir na Panônia até o século IX. No início daquele século, os ávaros foram subjugados pelos francos sob Carlos Magno e pelos búlgaros sob Crum.

Alguns estudiosos especulam que os ávaros teriam sido os primeiros a introduzir o estribo na Europa.

Referências


  1. Henry R. Loyn, ed. (1997). Dicionário da Idade Média . [S.l.: s.n.] p. 38 
Este artigo sobre história ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o .









Categorias: Ávaros eurasianos




Data da informação: 24.09.2021 12:40:45 CEST

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-BY-SA-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.