Antonio Pigafetta


Antonio Pigafetta
Nascimento 1492
Vicenza
Morte 1531
Vicenza
Residência Vicenza
Cidadania República de Veneza
Ocupação explorador, escritor
Prêmios

Antonio Pigafetta (Antonio Lombardo) (Vicenza, 1491 - Vicenza 1534) foi um marinheiro, geógrafo e escritor vêneto.

Pagou de seu próprio bolso uma expressiva quantia para acompanhar e auxiliar o capitão português a serviço da Espanha, Fernão de Magalhães em sua viagem ao redor do mundo.

Manteve um registro acurado da viagem, o qual mais tarde lhe foi valioso na tradução de uma das línguas filipinas, o Cebuano, sendo considerado o primeiro documento a registrar esta linguagem.

Dos duzentos e sessenta homens que partiram na expedição em 1519, Pigafetta foi um dos dezoito que lograram retornar à Espanha em 1522, tendo completado a circum-navegação sob o comando de Juan Sebastián Elcano após a morte de Magalhães.

O seu relato é a fonte da maior parte do que sabemos sobre a viagem de Elcano.

Índice

Juventude


Pigafetta pertencia a uma família abastada de Vicenza. Na sua juventude estudou Astronomia, Geografia e Cartografia. No início do século XVI, serviu a bordo das galés dos Cavaleiros de Rodes. Até 1519, acompanhou o Núncio Papal, Monsenhor Chieregati à Espanha.

Viagem


Em Sevilha, ouviu falar da expedição de Magalhães e negociou a sua admissão como passageiro pagante. A despeito das suas dificuldades iniciais com Magalhães, ele conseguiu conquistar a sua confiança e serviu como seu lenguaraz (intérprete) e cartógrafo.

Durante a viagem, Pigafetta coletou inúmeros dados sobre geografia, clima, flora, fauna e os habitantes dos lugares visitados pela expedição. As suas notas meticulosas serviram como valiosos testemunhos para os subseqüentes exploradores e cartógrafos, principalmente pelo emprego que fez de dados náuticos e lingüísticos.

Retorno


Durante o confronto em que Magalhães foi morto em Mactan, nas Filipinas, Pigafetta foi um dos feridos. Entretanto, conseguiu se recuperar e encontrava-se entre os dezoito sobreviventes a bordo do Victoria, que retornaram à Espanha, três anos após a partida.

Tendo aportado a Sanlúcar de Barrameda (Província de Cadiz) em setembro de 1522, Pigafetta retornou à Itália, onde relatou as suas experiências na obra Relazione del Primo Viaggio Intorno Al Mondo, composta em italiano e publicada em Paris em 1525. Uma publicação integral do relato só seria feita em fins do século XVIII, tendo se perdido o documento original.

Entretanto, foi através de uma narrativa anterior, de autoria de Maximilianus Transylvanus, publicada em 1523, que os europeus tiveram informações da primeira circum-navegação da Terra. Na qualidade de Secretário do Imperador Carlos V do Sacro Império Romano, Transylvanus recebeu instruções para entrevistar os sobreviventes da expedição de Magalhães quando o Victoria retornou à Espanha em setembro de 1522.

Pigafetta foi armado como Cavaleiro De Malta.

Bibliografia


Ligações externas












Categorias: Escritores da Itália | Exploradores da República de Veneza | Italianos do século XV | Italianos do século XVI




Data da informação: 13.09.2021 08:17:16 CEST

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-BY-SA-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.