Esfera


 Nota: Para outros significados, veja Esfera (desambiguação).

A esfera pode ser definida como "uma sequência de pontos alinhados em todos os sentidos à mesma distância de um centro comum". É tida também como um sólido geométrico formado por uma superfície curva contínua, cujos pontos estão equidistantes de um outro fixo e interior, chamado centro, ou seja: é uma superfície fechada de tal forma que todos os pontos dela estão à mesma distância de seu centro; ou ainda: de qualquer ponto de vista de sua superfície, a distância ao centro é a mesma. A esfera pode ser obtida através do movimento de rotação de um semicírculo em torno de seu diâmetro.

Uma esfera é um objeto tridimensional perfeitamente simétrico.[1] Na matemática, o termo se refere à superfície de uma bola. Na física, esfera é um objeto (usado muitas vezes por causa de sua simplicidade) capaz de colidir ou chocar-se com outros objetos que ocupam espaço.

Quanto à geometria analítica, uma esfera é representada (em coordenadas retangulares) pela equação: \({\displaystyle (x-a)^{2}+(y-b)^{2}+(z-c)^{2}\leq r^{2}}\) em que a, b, c são as coordenadas do centro da esfera nos eixos x, y, z respectivamente, e r é o raio da esfera. A esfera é uma forma circular ou seja esférica como a forma de uma bola.

Índice

Área e volume


A área de uma superfície esférica é obtida pela fórmula:[2]

\({\displaystyle A=4\pi r^{2}}\)

O volume de uma esfera é dado pela fórmula:[2]

\({\displaystyle V={\frac {4}{3}}\pi r^{3}}\)

onde r é o raio da esfera e π é a constante pi.

Calota x segmento esférico


Calota seria metaforicamente "a tampa de uma laranja", demonstrada pela parte azul no desenho.

Área da calota:

\({\displaystyle Ac=2\pi \cdot R\cdot h}\)

Área do Segmento Esférico:

\({\displaystyle As=At-Ac}\)

Em que, As é a área do segmento, At área total da esfera e, Ac área da calota.

Logo, o volume do segmento é:

\({\displaystyle V={\pi \cdot h^{2} \over 3}\cdot (3\cdot R-h)}\)

Fuso x cunha


Em azul é o fuso, em cinza é a cunha.

Fuso é uma parte da esfera, podendo ser representada por um "gomo de tangerina" (metaforicamente). Formalmente, o fuso é a interseção da superfície de uma esfera com um diedro cuja aresta contém um diâmetro da mesma.[2]

Área do fuso:

\({\displaystyle Af={\alpha \over 360}\cdot 4\pi \cdot r^{2}}\)

\({\displaystyle \alpha }\) é o ângulo (em graus) do fuso.

Uma cunha é a interseção de uma esfera com um diedro cuja aresta contém um diâmetro da esfera.[2]

O volume da cunha é:

\({\displaystyle Vc={\alpha \over 360}\cdot {4 \over 3}\cdot \pi r^{3}}\)

Nota-se que a área e o volume da cunha podem ambos ser obtidos subtraindo-se os respectivos valores para o fuso do valor total para a esfera.

Volume


O volume de uma semi-esfera é igual a soma dos volumes de discos, concêntricos e de espessura infinitesimal, empilhados ao longo do eixo x, de x = r (y = 0) até x = 0 onde o disco tem raio r (y = r).

Num dado x, o volume incremental (δV) é dado pelo produto da área transversal no ponto x pela largura (δx):

\({\displaystyle \delta V\approx \pi y^{2}\cdot \delta x.}\)

O volume da semi-esfera é o somatório de todos os volumes dos discos infinitesimais.

\({\displaystyle V_{\frac {1}{2}}\approx \sum \pi y^{2}\cdot \delta x.}\)

No limite em que δx se aproxima de zero fica:

\({\displaystyle V_{\frac {1}{2}}=\int _{x=0}^{x=r}\pi y^{2}dx.}\)

em toda a evolução de "x" o raio da esfera (r) é sempre constante formando um triângulo retângulo conectando x, y e r à origem, obedecendo ao teorema de Pitágoras:

\({\displaystyle r^{2}=x^{2}+y^{2}.}\)

Substituindo y:

\({\displaystyle V_{\frac {1}{2}}=\int _{x=0}^{x=r}\pi (r^{2}-x^{2})dx.}\)

Calculando a integral:

\({\displaystyle V_{\frac {1}{2}}=\pi \left[r^{2}x-{\frac {x^{3}}{3}}\right]_{x=0}^{x=r}=\pi \left(r^{3}-{\frac {r^{3}}{3}}\right)={\frac {2}{3}}\pi r^{3}.}\)

Que é o valor da semi-esfera. Dobrando este valor temos o volume total da esfera:

\({\displaystyle V={\frac {4}{3}}\pi r^{3}.}\)

Área


Uma vez provado o volume, podemos demonstrar a área da superfície a partir deste resultado (que se explica ao entender que uma esfera é a composição de "cascas de esfera" de espessura infinitesimal, "uma dentro da outra"):

\({\displaystyle {\frac {4}{3}}\pi r^{3}=\int _{0}^{r}A(r)dr.}\)

Usando a primeira parte do teorema fundamental do cálculo, onde \({\displaystyle F(r)=\int _{0}^{r}A(r)dr}\), temos que \({\displaystyle F'(r)=A(r)}\), logo:

\({\displaystyle 4\pi r^{2}=A(r).}\)

Que pode ser abreviada como:

\({\displaystyle A=4\pi r^{2}.}\)

A área também pode ser obtida usando coordenadas esféricas. Um elemento infinitesimal de área de superfície da esfera, em coordenadas esféricas é dado por:

\({\displaystyle dA=r^{2}\mathrm {sen} \,\theta \,d\theta \,d\phi .}\)

Logo, a área total será:

\({\displaystyle A=\int _{0}^{2\pi }\int _{0}^{\pi }r^{2}\mathrm {sen} \,\theta \,d\theta \,d\phi \ =4\pi r^{2}.}\)

Equação da esfera em R3


Em geometria analítica, uma esfera com centro (x0, y0, z0) e raio r é o lugar geométrico tal que:

\({\displaystyle (x-x_{0})^{2}+(y-y_{0})^{2}+(z-z_{0})^{2}=r^{2}.}\)

Na forma parametrizada

\({\displaystyle x=x_{0}+r\mathrm {cos} \,\theta \;\operatorname {sen} \varphi }\)
\({\displaystyle y=y_{0}+r\mathrm {sen} \,\theta \;\mathrm {sen} \,\varphi \qquad (0\leq \theta \leq 2\pi {\mbox{ e }}0\leq \varphi \leq \pi )}\)
\({\displaystyle z=z_{0}+r\cos \varphi }\)


Ver também


Referências


  1. Eric W. Weisstein. «Esfera» . Wolfram Research. MathWorld. Consultado em 11 de novembro de 2012 
  2. a b c d Dolce, Osvaldo (2013). Fundamentos de Matemática Elementar - Volume 10 7 ed. [S.l.]: Atual. ISBN 9788535717587 

Ligações externas


O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Esfera









Categorias: Esferas | Geometria elementar




Data da informação: 24.09.2021 01:33:34 CEST

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-BY-SA-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.