Frogmore House - pt.LinkFang.org

Frogmore House




Frogmore House é um palácio rural do século XVII, situado no centro da propriedade de Frogmore, entre belos jardins, cerca de um quilómetro a Sul do Castelo de Windsor, em Windsor, no condado de Berkshire. É um listed building classificado com o Grau I.

Índice

Primeiros proprietários


A edifício original existente no lugar era uma casa de lavoura conhecida como Gwynn's Farm e mais tarde como Frogmore Farm. Esta foi arrendada pela Coroa à família Gwynn, seguida pelos seus herdeiros, os Aldworths. A actual Frogmore House foi construída entre 1680 e 1684 por Anne Aldworth e o seu marido, Thomas May, um político do partido Tory do Sussex, segundo o desenho do arquitecto de Carlos II, Hugh May, tio de Thomas. Os Aldworths mantiveram-se ali durante alguns anos antes de se mudarem para uma casa anexa, a Little Frogmore (Pequena Frogmore). Frogmore House passou a ser conhecida como Great Frogmore (Grande Frogmore) e esteve na posse de vários proprietários, incluindo George FitzRoy, 1° Duque de Northumberland e Edward Walpole, pai da Duquesa de Gloucester.

Residentes Reais


Em 1790, a Rainha Charlotte, desejando um refúgio rural para si e para as suas filhas solteiras, comprou a concessão da Little Frogmore. Em 1792, tomou posse da Great Frogmore e o edifício menor foi demolido. James Wyatt foi contratado para ampliar e modernizar Frogmore House. Aquando da sua morte, em 1818, Frogmore House passou para a mais velha das suas filhas solteiras, a Princesa Augusta Sofia do Reino Unido. Depois da morte da Princesa, em 1840, a Rainha Vitória doou-o à sua mãe, Vitória de Saxe-Coburgo-Saalfeld, a Duquesa de Kent. A Duquesa faleceu ali em 1861.

Entre 1866 e 1873, o palácio serviu de residência à Princesa Helena do Reino Unido, terceira filha da Rainha Vitória, e ao seu marido, o Príncipe Christian de Schleswig-Holstein. Desde então, a família Real usou o palácio de forma intermitente. Em 1900, o futuro Conde Mountbatten de Burma nasceu ali. Entre 1902 e 1910 o futuro Rei Jorge V e a Rainha Maria foram residentes assíduos. A partir de 1925 e até à sua morte, em 1953, a Rainha Maria coleccionou e organizou ali recordações da Família Real, criando uma espécie de museu privado.

O palácio


Durante a década de 1980, o palácio foi sujeito a extensas obras de restauro, as quais revelaram as pinturas de parede oitocentistas de Louis Laguerre, as quais se encontravam perdidas. Em 1988, esteve planeado que os recém-casados Duques de Iorque se mudassem para Frogmore House, mas estes decidiram o contrário. O edifíco foi aberto ao público em 1990. Este foi aberto ao público nos recentes fins-de-semana Bank Holiday (férias bancárias) em Maio e Agosto, e ainda a grupos turísticos de Agosto ao final de Setembro de cada ano.

Frogmore House possui 18 quartos e várias salas que mantêm a decoração dos séculos XVIII e XIX. Entre estas encontram-se a sala-de-estar da Duquesa de Kent, a Sala de Mary Moser, a galeria Cruzada e uma sala de refeições desenhada por Wyatt.

Situados no interior dos jardins de 33 acres, os quais se encontram abertos nos mesmos períodos do palácio, ficam o Mausoléu Real (local de sepultura da Rainha Vitória e do Príncipe Alberto) e o Mausoléu da Duquesa de Kent, assim como uma "Ruína Gótica" e a "Casa de Chá da Rainha Vitória".

Sepultados no Cemitério Real de Frogmore


Ligações externas










Categorias: Residências da Inglaterra | Palácios da Inglaterra | Residências reais do Reino Unido | Listed buildings da Inglaterra








Data da informação: 01.06.2020 06:16:36 CEST

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-by-sa-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.