Guilherme Sedacer - pt.LinkFang.org

Guilherme Sedacer


Guilherme Sedacer (ou Guillelmus Sadacensis, Guillelmus Sedacerii, Guillermo Sedacer, Guillaume Sedacerius) (* 1370- † 1382) foi um monge carmelita catalão, químico, alquimista, escritor e teólogo do séc. XIV [1]

. Sua colaboração para a criação de vidro transparente foi fubdamental.

Índice

Vida


Sore a vida de Sedacer pouco é sabido. Ele pertencia à Ordem dos Carmelitas. De monge recluso ele tornou-se um conhecido divulgador da alquimia, tanto que, durante os últimos anos de sua vida ele gozou da proteção do Infante João de Aragão (futuro João I, que reinou de 1387 a 1395) e que era conhecido pela simpatia que nutria pelos alquimistas. Sedacer era igualmente um estudioso, além da alquimia, ele era um pesquisador nas áreas da astronomia, da astrologia e da medicina. Seu enfoque maior, todavia, eram, sem dúvida, a química e a alquimia. [2] Sobre seu interesse, mencionado, constavam de seu acervo pessoal 34 (trinta e quatro) manuscritos, todos com a firma reconhecida.

A químida prática (Invenção do vidro)


Foi o alquimista italiano Cristóvão de Paris e Guilherme Sedaceros, os grandes artífices que descobriram em seus ofícios a arte da produção de vidro. Eles atribuíram ao vidro um papel relevante na definição da alquimiaou da química. O vidro transparente, propriamente dito, ganhou seu toque final e arrematado em que, em 1470 (aprox) e, por esta data Sedacer já havia morrido.

Obra


Ele demonstrou ser um homem raro para os seus dias e para a química de seu tempo. Ele escreveu, por volta de 1378, os seus dois livros: Escreveu também alguns livros filosóficos, quatro dos quais são encontrados na João Batista Nazário, de Brescia; a transmutação dos metais e, Pedro Borellus, na Biblioteca Quimica, (pag. 109). (Não confirmado); E Jacob Ludovicus, na Biblioteca Carmelita. (MS. pag. 134). Outro de sus trabalhos pode ser encontrado no Monasterio de Santo Estêvão, da Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho (no - 4º. at coIligitur do laboratório da biblioteca de Manuscritos dos Venezianos), acervo particular do bispo dos amonienses na Ístria, Felipe Jacob Thomasini, (pag. 64, e já referido, pag. 583). [3]

Notas


  1. Em algumas áreas, os sedadores, assim como as telas, produziam pequenos foles para fogos de artifício feitos em casa, baldes de madeira, medidores agregados e outras pequenas peças de madeira. [5]

Referências


  1. Chevalier, Ulysse. “Diretório das fontes da Idade Média’’.
  2. Dicionário de gnose e esoterismo ocidental
  3. Stephano Villiers de Saint-Étienne Cosme de, Couret de Villeneuve. Bibliotheca Carmelitana, notis criticis et dissertationibus illustrata...
  4. (A Sedacina o trabalho com a peneirA)
  5. Livraria espanhola de artes e manufaturas, de agricultura, de minas, etc: B-E . na Livraria Espanhola, 1857, p. 3–

Bibliografia











Categorias: Alquimistas | Alquimistas da Espanha | Alquimistas católicos | Naturais da Catalunha | Nascidos em 1370 | Mortos em 1382 | Teólogos da Espanha | Monges Carmelitas | Escritores da Catalunha | Homem




Data da informação: 17.12.2020 01:00:30 CET

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-by-sa-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.