Izumo no Okuni


Izumo no Okuni (出雲の阿国 1572?, Japão?)foi uma atriz, dramaturga e fundadora do teatro kabuki. Considera-se que a artista japonesa tenha sido uma miko no Grande Santuário de Izumo[1], tendo começado a criação deste novo estilo composto por dança, canto, e atuando num leito seco do rio em Kyoto.[2]

História


Fundação do kabuki

Presume-se que foi em 1603, o ano em que o shogun Ieyasu Tokugawa estabeleceu a paz no país, que uma dançarina se instalou num palco ao ar livre, nas margens secas do rio Kamo, em Kyoto, e com a sua trupe de entertainers femininos, começou a dançar.[2] A performance de Okuni e do seu bando de mulheres artistas começou a ser conhecida por kabukimono - termo empregado no sentido de "extravagante", "excêntrico".[1] A sua fama espalhou-se por todo o Japão e teve rapidamente as suas seguidoras - trupes de prostitutas e cortesãs exibindo danças sensuais e pequenas farsas por todas as grandes cidades.[1] O shogunato não podia arriscar-se a permitir algo que tivesse a capacidade subversiva de perturbar a ordem pública. Quando os homens começaram a lutar entre si por causa das actrizes, as autoridades baniram (em 1628) as mulheres dos espectáculos públicos. A lei levou algum tempo a ser cumprida. Mas, em 1647, as mulheres desapareceram do palco, mantendo essa ausência durante 250 anos. O kabuki é até hoje representado apenas por homens.[2]

Referências


  1. a b c Paul Varley, Japanese Culture, 4th Ed.. Honolulu: University of Hawai'i Press. pp. pp. 186-187. ISBN 978-0-8248-2152-4.
  2. a b c "Okuni." Japan: An Illustrated Encyclopedia. Vol 2. Kodansha. ISBN 4-06-206490-1.









Categorias: História do teatro | Dramaturgos do Japão | Kabuki | Mulheres do século XVII




Data da informação: 16.12.2020 10:21:37 CET

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-BY-SA-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.