MPL Communications - pt.LinkFang.org

MPL Communications


MPL Communications
Criação
Forma jurídica
Sede social
Fundador
Proprietário
Divisão
MPL (d)
Website

MPL Communications (que significa McCartney Productions Ltd.) é a empresa que trata dos interesses comerciais do músico britânico Paul MCartney, tendo sido criada em 1969. Além de lidar com a produção musical pós-Beatles de McCartney, A MPL é uma das maiores editoras musicais do mundo, tendo sido boa parte de seu crescimento através da aquisição de outras editoras.[1] A editora possui sedes em Londres e em Nova Iorque.

Índice

Perfil


A empresa foi fundada em fevereiro de 1969, como Adagrove Ltd., mas mudou seu nome para McCartney Productions Ltd. em agosto daquele mesmo ano.[2] Um dos primeiros projetos foi a compra dos direitos para uma adaptação cinematográfica de Rupert Bear no início de 1970.[3]

Editora musical


A MPL possui uma vasta gama de material protegido por direitos autorais – cobrindo quase 100 anos de música – por vários compositores, incluindo McCartney, Buddy Holly, Carl Perkins, Jerry Herman, Frank Loesser, Meredith Willson, Harold Arlen e muitos outros,[1] com canções, como "Rock-a-Bye Your Baby with a Dixie Melody" (que ficou famosa com Al Jolson), "I'm Glad There Is You", "Blue Suede Shoes", "That'll Be the Day", bem como "Love Me Do" e "P. S. I Love You" no seu catálogo. A MPL também controla 25 empresas subsidiárias.[4]

Departamento de imagem Mary McCartney


A segunda filha mais velha de McCartney, a fotógrafa e editora de fotografia Mary McCartney, gerencia o departamento de imagem da empresa.

Marca registrada


Em outubro de 2006, o Trademark Registry, em Londres, informou que a MPL Communications havia iniciado um processo para o tornar o nome McCartney uma marca registrada para ser usado em mercadorias vendáveis.[5]

Ver também


Referências


  1. a b «Music Licensing for Film, TV, Web, CDs, Performance and Merchandising - MPL Music Publishing Inc. - MPL Communications»  
  2. Wiener, Allen (1992). The Beatles: The Ultimate Recording Guide. [S.l.: s.n.] ISBN 0-8160-2511-8 
  3. «McCartney's Own Projects May Break Up Beatles» 
  4. List of MPL subsidiary companies Arquivado em 2006-11-06 no Wayback Machine.
  5. «McCartney bids to trademark his name»  

Ligações externas










Categorias: Membros da IFPI | Paul McCartney | Empresas do Reino Unido | Empresas dos Estados Unidos








Data da informação: 17.12.2020 02:29:28 CET

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-by-sa-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.