Produtor musical - pt.LinkFang.org

Produtor musical


Na indústria musical, um produtor musical, produtor discográfico ou produtor executivo é o termo que designa uma pessoa responsável por completar uma gravação e/ou reprodução sonora para que esteja pronta para o lançamento. É também esta pessoa quem controla as sessões de gravação, ensaia e guia os músicos e cantores e faz a supervisão do processo de mixagem e de masterização de áudio. Também são considerados produtores musicais, aqueles que produzem instrumentais originais (não necessariamente remix).[1][2]

Na primeira metade do século XX, o papel do produtor musical lembrava aquele do produtor cinematográfico, em que o produtor musical supervisionava as sessões de gravação, pagava os técnicos, músicos e os responsáveis pelo arranjo das músicas, e algumas vezes até escolhia material para o artista. Pela década de 1960, os produtores musicais pegaram um papel mais direto no processo musical, incluindo criar arranjos, cuidar da engenharia da gravação e até mesmo escrever o material. Através de tudo isso, os produtores têm tido uma forte influência, não apenas em carreiras individuais, mas no curso da música popular.

Hoje em dia, com a diminuição dos custos de material, aumento dos interessados na área e com o grande aumento de marcas, modelos e tipos de material, há cada vez mais home-studios e produtores caseiros. Muitos artistas tornaram-se produtores musicais sozinhos, e o contrário também já ocorreu: produtores viraram os artistas.

Em Portugal, as licenciaturas orientadas para a área de produção musical encontram-se na Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo do Instituto Politécnico de Porto (curso de Produção e Tecnologias da Música) e na Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco (Música Electrónica e Produção Musical).

No Brasil, existe o bacharelado em Música com ênfase em produção musical na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG); a graduação em 'Produção Fonográfica' nas Faculdades Integradas Barros Melo (AESO) em Olinda, Pernambuco; na Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS) em São Leopoldo, Rio Grande do Sul; graduação em 'Produção Fonográfica' na Universidade Católica de Pelotas (UCPel), Rio Grande do Sul; graduação em 'Produção Fonográfica' na Universidade Estácio de Sá no Rio de Janeiro; e o tecnólogo em 'Produção Musical' na Universidade Anhembi Morumbi (SP).

Produtor Musical - Ricardo F Ramos - Músico arranjador e produtor musical fundou o Sindicato Patronal ¨Sindigrava¨ em 2001 das gravadoras, produtoras de som e imagem no Brasil.

Referências


  1. «Produtor Musical - O que faz? Qual o seu papel e influência?» . O Mundo Do Espetáculo. 17 de junho de 2019. Consultado em 17 de julho de 2020 
  2. «What does a music producer do, anyway ?» . Production Advice (em inglês). 26 de fevereiro de 2009. Consultado em 17 de julho de 2020 








Categorias: Produtores musicais | Produção musical








Data da informação: 16.12.2020 11:28:30 CET

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-by-sa-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.