Ylem - pt.LinkFang.org

Ylem


Ylem é um termo que foi usado por George Gamow, seu aluno Ralph Alpher e seus associados no final da década de 1940 para uma substância original hipotética ou um estado da matéria condensado, que se tornou as partículas e elementos subatômicos como os conhecemos hoje. O termo ylem foi realmente ressuscitado (aparece no Webster's Second "a primeira substância da qual os elementos deveriam ter sido formados") por Ralph Alpher.[1]

Na compreensão moderna, o "ylem" descrito por Gamow era o plasma primordial, formado na bariogênese, que foi submetido à nucleossíntese do Big Bang e era opaco à radiação. A recombinação do plasma carregado em átomos neutros tornou o Universo transparente aos 380.000 anos de idade, e a radiação liberada ainda é observável como radiação cósmica de fundo em micro-ondas.

História


Vem de uma palavra filosófica obsoleta do inglês médio que Alpher disse que encontrou no dicionário de Webster.[2] A palavra significa algo como "substância primordial da qual toda a matéria é formada" (que na mitologia antiga de muitas culturas diferentes era chamada ovo cósmico[3]) e, finalmente, deriva do grego ὕλη (hūlē, hȳlē), "matéria", provavelmente através de uma forma singular acusativa em latim hylen, hylem.[4] Em uma entrevista de história oral em 1968, Gamow falou sobre ylem como uma palavra hebraica antiga.[5]

O ylem é o que Gamow e colegas presumiram existir imediatamente após o Big Bang. Dentro do ylem, supunha-se haver um grande número de fótons de alta energia presentes. Alpher e Robert Herman fizeram uma previsão científica em 1948 de que ainda deveríamos observar esses fótons com desvio vermelho hoje como uma radiação cósmica de fundo em micro-ondas (RCFM) que permeia todo o espaço com uma temperatura de cerca de 5 kelvins[6] (quando a RCFM foi detectado pela primeira vez em 1965, sua temperatura foi encontrada como sendo de 3 kelvins). Hoje é reconhecido que a RCFM se originou na transição do hidrogênio predominantemente ionizado para o hidrogênio não ionizado cerca de 400.000 anos após o Big Bang.

Ver também


Referências


  1. The Cosmos--Voyage Through the Universe series, New York:1988 Time-Life Books Page 75
  2. "ylem" . Oxford English Dictionary (3rd ed.). Oxford University Press. 2017.
  3. Bernstein (1986). «Out of My Mind: The Birth of Modern Cosmology». The American Scholar. 55: 7–18. JSTOR 41211280  
  4. "hyle" . Oxford English Dictionary (3rd ed.). Oxford University Press. 2017. (Subscription or UK public library membership required.)
  5. Gamow, George (25 de abril 1968). "Oral Histories - George Gamow " (Entrevista). Entrevistado por Charles Weiner. American Institute of Physics.
  6. The CosmosVoyage Through the Universe series, New York: 1988 Time-Life Books, Page 80.









Categorias: Universo | Cosmologias científicas iniciais




Data da informação: 17.12.2020 09:10:12 CET

Fonte: Wikipedia (Autores [História])    Licença: CC-by-sa-3.0

Mudanças: Todas as imagens e a maioria dos elementos de design relacionados a essas foram removidos. Alguns ícones foram substituídos por FontAwesome-Icons. Alguns modelos foram removidos (como "o artigo precisa de expansão) ou atribuídos (como" notas de rodapé "). As classes CSS foram removidas ou harmonizadas.
Os links específicos da Wikipedia que não levam a um artigo ou categoria (como "Redlinks", "links para a página de edição", "links para portais") foram removidos. Todo link externo possui um FontAwesome-Icon adicional. Além de algumas pequenas mudanças de design, foram removidos os contêineres de mídia, mapas, caixas de navegação, versões faladas e microformatos geográficos.

Observe: Como o conteúdo fornecido é retirado automaticamente da Wikipedia no momento especificado, uma verificação manual foi e não é possível. Portanto, o LinkFang.org não garante a precisão e a atualidade do conteúdo adquirido. Se houver uma informação incorreta no momento ou com uma exibição imprecisa, sinta-se à vontade para Contate-Nos: email.
Veja também: Cunho & Política de Privacidade.